Os 7 passos para uma reforma bem sucedida

Como ter menos estresse durante uma reforma

Os 7 passos da reforma bem sucedida



Olá queridos leitores!

Quem já não passou pela difícil experiência de reformar ou fazer algum tipo de conserto em sua casa?

A reforma sempre traz transtornos, sujeiras, dúvidas, atrasos e, o pior  é quando temos que conviver com ela lado a lado, ou seja, continuamos morando na casa em reforma e , tentamos nos adaptar à essa difícil fase.

Sabemos que toda casa precisa de manutenção e pintura periódica e é justamente nestas ocasiões que aproveitamos para fazer algo mais. Porém, podemos passar por esse momento de forma mais tranquila se tomarmos algumas providências e cuidados. 

Seguem, abaixo, 7 passos para uma reforma bem sucedida:

1- Em primeiro lugar, faça um planejamento de tudo que  é necessário ser reformado, anotando tudo, detalhadamente.

2- Procure profissionais de sua confiança e com referências, pois isso é questão de segurança, e solicite os orçamentos.

3- Avalie o custo da obra (mão de obra + material) e só inicie após ter certeza que terá as condições para concluí-la.

4- Durante a reforma, nunca deixe que o Sr. JÁQUE interfira em suas decisões. Ele costuma se manisfestar assim: JÁ QUE  estou mexendo aqui, vou aproveitar e fazer isso também... Esse Sr. JÁQUE é capaz de transformar sua obra em um pesadelo, nunca se esqueça disso. Atenha-se somente ao programado.

5- Mesmo com tudo programado é possível que surjam imprevistos que exigirão uma alteração nos planos. São aquelas surpresas desagradáveis que a maioria das reformas reservam.... Então, não se estresse, encare o problema  e tente ajustar o orçamento tirando algo não tão necessário. O importante é não perder o controle financeiro.

6- Após as obras concluídas vem a pintura, um momento bom e colorido, porém poderá lhe trazer dúvidas caso você ainda não tenha escolhido os tons de tinta.  Este é um momento delicado, pois nesta fase é importante que você tenha bastante determinação e visão de conjunto, pois as cores internas interagem diretamente com a mobília e decoração. É muito importante estar atento para que tudo se harmonize.

7- Não é raro, neste momento, percebermos que está na hora de trocar os sofás ou a sala de jantar, mas nem sempre é possível, não é verdade? Então, que tal você  apenas reformar os sofás, considerando que eles têm uma boa estrutura ou, trocar o tecido das cadeiras da sala de jantar? São recursos capazes de renovar totalmente o ambiente, com um custo bastante razoável.

Veja alguns exemplos:  


SOFÁ REFORMADO




TROCA DE TECIDO DA CADEIRA



CADEIRA PINTADA




Tenho certeza que se você analisar e praticar os 7 passos acima, realizará uma reforma de maneira eficiente, com custos programados e ainda poderá viver este momento com satisfação e com o controle da situação.


Abraços,




Comentários

  1. Amei as dicas!!! sempre eh bom começar com o planejamento, ver o orçamento e essas coisas!!!
    E como você disse não eh legal sair do planejado indo pro lado do Jaque kkkkk

    ResponderExcluir
  2. Amei as dicas!!! sempre eh bom começar com o planejamento, ver o orçamento e essas coisas!!!
    E como você disse não eh legal sair do planejado indo pro lado do Jaque kkkkk

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

16 COMBINAÇÕES DE CORES PARA SALA DE ESTAR

HOME TOUR - Claudia e Alcindo Sabino

PINTANDO O SETE COM ARTE ABSTRATA