Invente, tente, faça diferente!

Mudando o conceito da sala

Como arranjar os móveis de forma dinâmica



Olá queridos e queridas!

Acredito que muitas vezes, a maior dificuldade que se encontra na hora de decorar a casa é quanto à disposição dos móveis, não é mesmo?
E é fato que essa disposição afeta diretamente a impressão que o cômodo dá, a sensação de bem-estar, e o aconchego para toda a família.
Por isso, o post de hoje vai dar algumas sugestões de arranjo dos móveis, em especial na sala e também para aquele cômodo mais apertado. 




Vamos lá?


Primeiro, tire todos os pequenos itens da sala, deixando apenas as peças grandes. Isso dará a você uma ideia melhor de como essas peças maiores precisam se ajustar umas às outras. Lembre-se, os itens maiores são os mais importantes no cômodo. 
Feito isso, você poderá trazer de volta os itens menores um a um, e ir colocando-os seguindo um nível crescente. 

Abaixo veremos uma figura representando o antes e o depois. Antes, um arranjo seguindo as linhas das paredes e depois a transformação de uma simples área de estar para um cômodo bem mais interessante.



Um outro arranjo é colocar os móveis na diagonal: faça isso um a um e não se esqueça da área para o tapete. Fica bem interessante e faz o cômodo parecer maior. 




Se a sua sala é um tanto apertada, você poderá deixá-la mais confortável e aconchegante, apenas mudando a disposição dos móveis. Observe as figuras:




Atenção: cuidado para não bloquear as janelas! A entrada de luz é importantíssima para conferir leveza ao ambiente e caso isso fique comprometido, sua sala poderá parecer mais apertada e menos confortável ainda. Use peças pequenas próximo às entradas de luz.
Bom, queridos, por hoje é só. Faremos mais posts sobre esse assunto. É só continuar nos seguindo e ficar por dentro de tudo. 

Beijos no coração!


Créditos: The Budget Decorator, Fred Gonsowski Garden Home

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

HOME TOUR - Claudia e Alcindo Sabino

PINTANDO O SETE COM ARTE ABSTRATA

8 SUGESTÕES PARA DECORAÇÃO DE OUTONO